História Institucional

Esta coleção apresenta imagens de índole diversa mas com um traço comum: a combinação do singular com o valor histórico institucional.

Aqui poderá conhecer Legislação que foi outrora relevante, Dirigentes históricos, Eventos, visitas e festejos marcantes, Máquinas e equipamentos revolucionários na sua época, bem como alguns documentos peculiares.


Legislação

Legislação

Image 1 of 50

11 Outubro 1859 Criação da Repartição de Estatística no Ministério de Obras Públicas, Comércio e Indústria. (Coluna 3) 1.1-1_HI_LEG


Dirigentes

Dirigentes

Image 1 of 20

Elvino de Sousa Brito Foi o responsável máximo pela Repartição de Estatística Geral de 1884 a 1886. A ele se deve a publicação do segundo anuário estatístico de Portugal, renovado relativamente à 1ª edição e inspirado no modelo francês. O texto da sua autoria que abre o «Anuário Estatístico do Reino de Portugal: 1884» (ed. 1886), intitulado “Memória elucidativa: subsídios para o estudo da estatística em Portugal”, é considerado um dos melhores textos de Estatística que se escreveram no séc. XIX em Portugal. Mais tarde presidiu à Comissão para a elaboração de um plano de reestruturação da estatística nacional de que resultou a reforma de 1892. Foi deputado, par do Reino e ministro das Obras Públicas, Comércio e Indústria. 1.2.1_1_HI_DIR


Livro de Honra

Livro de Honra

Image 1 of 7

Capa do livro 1.3-2_HI_LH


Eventos, Visitas e Festejos

Eventos e festividades

Image 162 of 162

2007 A imagem está identificada como tendo sido captada no âmbito da realização do ISI, em 2007. Na imagem observa-se o Prof. Paulo Gomes no Stand do ISI, no Centro de Congressos, em Lisboa. 1.4.8-13_HI_EVF


Máquinas, Equipamentos e Objetos Antigos

Máquinas e equipamentos

Image 1 of 74

Classificador-contador-impressor MARCH (“máquina de apuramentos de 1900”) Existe um exemplar em exposição no INE 1.5.1-1_HI_MEOA


Documentação Oficial

Documentos Oficiais

Image 1 of 22

Quadro de pessoal (1935). Este Quadro de Pessoal é parte integrante da obra «O Instituto Nacional de Estatística» (ed. 1936). Nele lê-se que, à altura da criação do INE (maio 1935), o quadro de pessoal era constituído por 128 trabalhadores distribuídos pelo Quadro técnico, Quadro auxiliar e Pessoal menor. Em termos de estrutura era composto pela Secretaria-geral e 4 Repartições, cada uma responsável por uma área estatística. Cada uma destas macrounidades era subdividida em serviços, havendo 16. 1.6-1_HI_DO