História Institucional

Esta coleção apresenta imagens de índole diversa mas com um traço comum: a combinação do singular com o valor histórico institucional.

Aqui poderá conhecer Legislação que foi outrora relevante, Dirigentes históricos, Eventos, visitas e festejos marcantes, Máquinas e equipamentos revolucionários na sua época, bem como alguns documentos peculiares.


Legislação

Legislação

Image 1 of 50

11 Outubro 1859 Criação da Repartição de Estatística no Ministério de Obras Públicas, Comércio e Indústria. (Coluna 3) 1.1-1_HI_LEG


Dirigentes

Dirigentes

Image 1 of 20

Elvino de Sousa Brito Foi o responsável máximo pela Repartição de Estatística Geral de 1884 a 1886. A ele se deve a publicação do segundo anuário estatístico de Portugal, renovado relativamente à 1ª edição e inspirado no modelo francês. O texto da sua autoria que abre o «Anuário Estatístico do Reino de Portugal: 1884» (ed. 1886), intitulado “Memória elucidativa: subsídios para o estudo da estatística em Portugal”, é considerado um dos melhores textos de Estatística que se escreveram no séc. XIX em Portugal. Mais tarde presidiu à Comissão para a elaboração de um plano de reestruturação da estatística nacional de que resultou a reforma de 1892. Foi deputado, par do Reino e ministro das Obras Públicas, Comércio e Indústria. 1.2.1_1_HI_DIR


Livro de Honra

Livro de Honra

Image 1 of 7

Capa do livro 1.3-2_HI_LH


Eventos, Visitas e Festejos

Eventos e festividades

Image 1 of 162

Julho 1934 Esta fotografia acompanha uma notícia do jornal DN (21 julho 1934) em que se lê: “Bodas de ouro de funcionário da estatística, Rangel de Lima, diretor geral interino”. De facto, o Eng.º Júlio Rangel de Lima assumiu a função de diretor geral interino na DGE (à época, o diretor geral da DGE era o Prof. Armindo Monteiro). Na foto identifica-se o homenageado (sentado) e, ao seu lado Eng.º Chambica da Fonseca; na extremidade direita, identifica-se o Eng.º Pena Martins. Os três compuseram a Comissão de acompanhamento da obra de construção do edifício do INE. As restantes pessoas do grupo são, muito provavelmente, funcionários da DGE que, à data da notícia (julho 1934), já estava sediada no novo edifício. 1.4.1-1_HI_EVF


Máquinas, Equipamentos e Objetos Antigos

Máquinas e equipamentos

Image 1 of 74

Classificador-contador-impressor MARCH (“máquina de apuramentos de 1900”) Existe um exemplar em exposição no INE 1.5.1-1_HI_MEOA


Documentação Oficial

Documentos Oficiais

Image 21 of 22

1972 e 1973 Declaração de honra sobre segredo profissional. Trata-se de documentos pessoais, cedidos pela antiga funcionária do INE, Maria Isabel Vieira Teixeira. A declaração era um compromisso de honra que todos os funcionários assinavam quando eram admitidos como Eventuais e, também, quando passavam a Efetivos. Segundo a proprietária dos documentos, assinou em julho 1972 e outro em novembro 1973. O primeiro aquando da sua admissão como eventual e o segundo quando passou a efetiva. PROPRIEDADE (DOCUMENTO): Maria Isabel Vieira Teixeira 1.6-4_HI_DO